Notificações push: o que são e como elas podem ser úteis na conversão do seu aplicativo

16 de dezembro de 2019 / Desenvolvimento

Imagine a seguinte situação: três horas da tarde, você no trabalho, bateu aquela fome e então você recebe uma notificação engraçadinha do iFood com um cupom que nem ao menos oferece tanto desconto assim, mas que com certeza vai te fazer considerar pedir aquele açaí, além de te fazer pensar “uau, é muita coincidência” ou algo do gênero, não é?

Esse é o mundo que as notificações do tipo push (aquelas que aparecem geralmente na parte de cima do seu celular, por exemplo) possibilitam, é quando você tem a oportunidade de fazer seu produto ou serviço aparecer na hora e momento certos para um possível cliente! Por isso, hoje nós vamos falar um pouquinho sobre as principais vantagens desse grande diferencial no mundo dos apps.

Se você consegue enviar notificações push ao seu usuário, quer dizer que já andou um bom caminho, considerando que o convenceu a baixar o app da sua empresa, o que facilita e muito na hora de gerar um engajamento, criar lembrança de marca ou qualquer uma das inúmeras funções que um push pode querer desempenhar.

Não tem como não ler

É assim, você está usando seu celular e elas aparecem, e é impossível evitar que seus olhos sejam atraídos para elas, e mais ainda, é improvável não as ler, seja no mesmo momento ou não.

Esse é um dos fatores que tornam as notificações push tão eficazes, garantindo altas taxas de clique, conversão e leitura, levando a mensagem que você deseja passar até o seu usuário.

Segmentação por interesses

Um usuário baixou o aplicativo da sua loja de roupas online e “namorou” aquela bota.

Com a personalização das notificações, você pode enviar um desconto especial para convencê-lo a compra-la. Pode enviar mais detalhes, uma curiosidade, enfim, a possibilidade é infinita, e o objetivo é mostrar que o produto vale a pena.

Taxa de clique

Às vezes, mesmo sem querer, você acaba clicando naquela notificação que estava na tela do seu celular, e mais ainda, se interessou pelo conteúdo que ela trazia mesmo tendo clicado sem querer!

É automático, habituados a uma vida dinâmica, nós clicamos e arrastamos notificações o tempo todo, e quando ela vem na hora certa ou cria aquela expectativa, é conversão na certa.

Não para no celular

Além da possibilidade de serem enviadas tanto pelo celular do usuário, tablet, smartwatches (que são uma super tendência e também fazem toda a diferença no sucesso da sua notificação), você ainda pode enviar notificações push através do computador do usuário!

Como? Quando ele visita o seu site, você tem a possibilidade de pergunta-lo sobre a possibilidade de enviar notificações via desktop sobre atualizações e novidades, e quando a reação é positiva, um cookie salvo no sistema do navegador faz com que essa praticidade atinja-o também em plataformas como o laptop ou desktop.

Colocando na balança - SMS, e-mail e push

Consideravelmente curtas e diretas, as notificações push saem na frente quando comparadas ao envio de SMS’s ou e-mails por exemplo, afinal, você geralmente nem precisa abri-las para saber do que se trata.

Além disso, partindo do fato de o usuário já ter adquirido o aplicativo da sua marca, não é difícil afirmar que ele tenha um interesse relevante nas novidades que você tem a oferecer.

Mas vamos comparar em números

A média de cliques em uma notificação push é de 15%, já para os e-mails, uma taxa de 2% já é considerada muito boa. Consegue notar a diferença?

Uma referência e tanto

Quando se trata de notificações push, a criatividade é a alma do negócio, e é por isso que nós trouxemos essa dica extra. Famoso por seu senso de humor infalível que gruda na cabeça da galera, o iFood impacta todos os dias seus usuários com cupons divertidos, que mesmo quando não convertem em vendas, reforçam a imagem da marca.

E ainda existe muito mais considerando a praticidade e maleabilidade das notificações push!

E então, como andam as taxas de conversão do seu aplicativo? Vamos trabalha-las da melhor forma para aumentar seu engajamento, gerar lembrança e converter muito mais?

Veja mais